_DSC1207

ADJogosRS exalta participação na Fenadoce 2017

A ADJogosRS esteve presente na cidade de Pelotas, no sul do estado, durante os dias 17 e 18 de junho. A comitiva participou dos dois últimos dias da Fenadoce, feira que atrai milhares de visitantes ao Centro de Eventos da cidade. Além de exaltar as tradições histórias, o evento possui uma espaço dedicado para a cultura pop e games, o Espaço Wombo Combo.

Sete empresas Associadas fizeram parte da visita: Epopeia Canvas, Mindtrick, IzyPlay, Utopia, Gênio Quiz e Hermit Crab. Além de visitar o espaço e divulgar os trabalhos das empresas, a ADJogosRS foi responsável por diversas palestras no último final de semana da Fenadoce, detalhando diversos processos da criação de jogos e das rotinas de trabalho de cada desenvolvedora.

“A Fenadoce foi uma experiência muito boa, melhor do que imaginávamos”, destacou o diretor executivo da ADJogosRS, Ivan Sendin. “O evento estava muito bem ambientado, essa foi a primeira feira que participamos que conseguiu captar a identidade dos gamers”, explicou Sendin. Em relação a experiência, Ivan destacou que as empresas tiveram um excelente feedback com os jogos que foram expostos ao público e que a Associação já está estudando ideias para 2018.

A participação da ADJogosRS na Fenadoce foi destaque em reportagem do Bom Dia Rio Grande, exibido na RBS TV na segunda-feira, 19 de junho: http://g1.globo.com/rs/rio-grande-do-sul/bom-dia-rio-grande/videos/t/edicoes/v/com-mais-de-22-milhoes-de-doces-vendidos-em-pelotas-fenadoce-supera-expectativas/5948797/ 

Foto: Nauro Júnior

maxresdefault

Empresas associadas à ADJogosRS participarão do BIG Festival, em São Paulo

A Associação de Desenvolvedores de Jogos Digitais do Rio Grande do Sul – ADJogosRS – estará representando o Rio Grande do Sul com 19 empresas de games gaúchas associadas, no BIG Festival 2017, encontro internacional de desenvolvedores de jogos, entre os dias 24 de junho e 2 de julho, em São Paulo. Além de estarem na área de exposição, as empresa vão em busca de  negociações no matchmaking promovido junto ao encontro e duas estão concorrendo a premiações como BIG Starter, Melhor Jogos Brasileiro e Melhor Gameplay.

Entre as empresas participantes está a Epopeia, que levará ao BIG o seu novo game “IN”. O jogo, que será exposto no espaço da indústria de jogos, é um puzzle imersivo com plataforma e física, onde o jogador assume o papel de uma entidade que, para atingir o objetivo no jogo, precisa controlar vários objetos e superar desafios propostos.

Além das exposições e oportunidades de contato, o BIG Festival possui uma série de prêmios para os desenvolvedores, como é o caso do BIG Starter, categoria vencida pelos gaúchos da Imgnation em 2016. Em 2017 a esperança está com a 40 Giants Entertainment, que concorre na categoria com o game “The Last Princess”, produzido em parceria com a Jambô Editora. O jogo, de estratégia, é baseado no conhecido universo de Tormenta RPG, com batalhas em turnos e onde cada decisão do jogador pode alterar os rumos da história.

“É uma oportunidade única para nós termos sido indicados para a final do BIG Starter, primeiro por estarmos ao lado de diversos projetos de excelente qualidade e, segundo, pela grande visibilidade que o projeto receberá”, destacou Edh Müller, responsável pelo projeto da 40 Giants.

“Acreditamos que iniciativas como essa são fundamentais para o desenvolvimento da nossa indústria, e prometemos dar o nosso melhor na final”, concluiu Müller. Outra empresa gaúcha, a Rockhead, estará participando da competição nas categorias “Melhor Jogo Brasileiro” e “Melhor Gameplay”, com Starlit Archery Club.

As empresas que farão parte da comitiva da ADJogosRS no BIG Festival 2017, em São Paulo, são 40 Giants, Aquiris, Canvas Games, Cupcake, Epopeiaed, Gênio Quis Games, Hammerfist, Hermit Crab, Imgnation, IzyPlay, MindTrick, Mr. Dev Studios, Revolver Game Studio, RiftPoint, Rockhead, SouthBox Studio, Utopia, Vox Studio e Zeepo.

banner_e3-expo

A E3 como piada dela mesma

 

A E3 tem como papel surpreender, criar expectativas e superá-las. Alimentar o público carente de novos jogos e jornalistas necessitados de hype para vender. Sinceramente, qual a última E3 que tivemos algo parecido com isto? Eu também não lembro…

Este ano tivemos uma das melhores conferências da Microsoft dos últimos anos, pelo simples motivo de ouvirem seu público e apresentarem jogos. Pode parecer redundante, mas nos últimos anos vimos muito mais tecnologias inovadoras e funções que pouco interessavam ao público que só pedia GAMES! Sua nova plataforma, chamada Xbox One X, demonstrou ser apenas um upgrade de hardware desnecessário, que apenas dá suporte à geração 4K e “diminui os loadings”. E assim como ano passado, a Microsoft joga a toalha de exclusivos, lançando seus jogos para o PC simultaneamente.

Na conferência da Sony, sofremos um gelo deles, com pouca interação e poucos títulos cativantes. Tivemos God of War, Shadow of Colossus, Uncharted, Life is strange, e em alguns momentos me perguntei em que ano estávamos, pois os títulos continuam o mesmo. Faltaram videos de gameplay de The Last of Us 2 e Red Dead Redemption 2, que o público aguardava. E, quem diria, o jogo que mais me agradou foi o Homem Aranha da Sony, mostrando um gameplay fluido como suas teias. Tivemos uma grande biblioteca de títulos VR, porém sem o destaque dos anos anteriores. Deixou transparecer que o apelo forte está em títulos AAA e que o máximo que teremos em VR será um simulador de pesca de Final Fantasy XV.

A Nintendo, após anos ignorando a E3  e lançando Nintendo Directs com suas novidades, decidiu se redimir. O primeiro momento foi quando Shigeru Miyamoto subiu no palco da Ubisoft, apresentando um jogo em que une forças com os Rabbids trazendo uma mistura de X-Com e Disgaea. Não bastando esta participação, a Nintendo apresentou uma conferência concisa, visando seu novo videogame Switch e trazendo títulos como Yoshi, Kirby, Mario e Metroid (após anos no limbo).

E os indies? Aonde estão? Sabemos que o mercado Indie cresce ano após ano, mas ao público da E3 não interessa isto. Queremos um show pirotécnico daqueles de deixar Michael Bay abismado; e foi isto que tivemos na primeira e memorável conferência da Devolver Digital. Seus jogos foram apresentados entre momentos de deboche da própria E3, que vão desde trejeitos e frases sempre utilizados, falsidade e seu apelo emocional para arrancar dinheiro do público. Foi ao mesmo tempo a mais real e surreal de toda a E3.

A E3 já possui a fama de “Aqui serão apresentados jogos que vocês não jogarão nos próximos anos”, com o custo enorme de projetos AAA e o tempo necessário para uma boa produção, nos próximos anos veremos gameplays dos mesmo títulos, com pouca empolgação e nenhuma surpresa. Ou alguém ainda acredita que Kingdom Hearts 3 e Final Fantasy VII remake serão lançados em breve?

A cada ano a E3 me surpreende menos, por apresentar sempre o mesmo espetáculo. Temos hoje o maior momento gamer do ano como uma sombra de E3 passadas, e como vimos pela Devolver, todos sabem disto.

 

 

OBS: Esta coluna não representa a opinião da ADJOGOS, e sim a do autor da postagem.

 

Foto: Nauro Júnior

ADJogosRS participa da 25ª Fenadoce, em Pelotas

A ADJogosRS participará, nos dias 17 e 18 de junho, da 25ª Fenadoce, em Pelotas. A Feira, que atrai milhares de visitantes ao Centro de Eventos da cidade ao Sul do estado, enaltece as tradições regionais mas, também, está com olhar sob a cultura pop e games com o Espaço Wombo Combo.

Sete empresas Associadas farão parte da comitiva que irá à Pelotas no último final de semana da feira: Epopeia, Canvas, Mindtrick, Izyplay, Utopia, Gênio Quiz e Hermit Crab. As desenvolvedoras irão exibir seus jogos no Espaço Wombo Combo para que os visitantes da Fenadoce possam experimentar as criações. Além disso, a ADJogosRS irá palestrar no evento sobre o mercado de games.

Crédito Foto: Nauro Júnior

LOGO-AD-JOGOSRS---FINAL

ADJogosRS realiza primeira confraternização de 2017

No próximo sábado, 10 de junho, a ADJogosRS realizará a sua primeira confraternização em 2017. O evento, que ocorre no Salão de Festas da Mindtrick a partir das 13h, tem como objetivo fomentar o networking e a troca de experiência entre as empresas associadas.

A programação também contará com uma mesa redonda informal, onde alguns pontos importantes serão debatidos, como novo edital da Ancine e preparatórios para o matchmaking que ocorrerá no BIG.

Logotipo

ADjogosRS apresenta nova estrutura na direção

A ADJogosRS  realizou uma reestruturação na direção da entidade no final de maio com novas eleições internas. A mudança ocorreu devido à renúncia de um dos integrantes, por questões pessoais. A nova estrutura é composta por Carlos Idiart como presidente da ADjogosRS, posição que já havia ocupado nas duas últimas gestões. Cassio Selig, da Mindtrick, segue como vice-presidente e Ivan Sendin, da Epopeia, assume como diretor executivo.

O setor financeiro segue com André Schaan, da Vox.  Como conselheiros da ADJogosRS estão:  Orlando Fonseca, da Imgnation, Everton Vieira, da Izyplay e Daniel Merkel, da Southbox.

“Apesar das mudanças o planejamento da entidade segue inalterado com diversas ações de fomento e inserção das empresas gaúchas de games no cenário nacional e internacional”, afirma Ivan Sendin.

0

Southbox, de Passo Fundo, é agraciada por edital de games da Ancine

A Southbox, empresa de Passo Fundo associada da ADJogosRS, foi um dos 23 jogos selecionados pelo edital de games da Agência Nacional do Cinema – Ancine. O game “Super Volley”, desenvolvido pelos gaúchos, ficou entre os oito jogos selecionados na categoria B do edital, e receberá um aporte financeiro de R$ 498 mil reais.

No último dia 4 de maio, representantes da Southbox participaram de uma defesa oral do projeto na sede da Ancine, no Rio de Janeiro. “Tivemos 10 minutos para apresentar um pitch e defender o Super Volley”, explicou Daniel Merkel, co-fundador da empresa. Após uma boa apresentação, já no dia 5, o estúdio recebeu a notícia que havia sido agraciado pelo edital de games.

O “Super Volley” é um jogo de vôlei e ação, jogado em modo multiplayer. Nele, as duplas são formadas por personagens variados, como humanos, aliens, robôs e feras, onde cada um deles possui uma habilidade diferente. As batalhas acontecem em uma mistura de “jogo de vôlei com Street Fighter”, como explicou Merkel.

“Esse edital foi de suma importância para o crescimento da Southbox, visto que com o investimento conseguimos montar uma equipe de desenvolvedores adequada, capacitada, experiente e multidisciplinar, abrangendo todas as áreas necessárias para o desenvolvimento do game com qualidade”, exaltou Daniel.

Merkel destaca que, com o investimento do edital, a Southbox buscará profissionais experientes em diversas áreas, como arte, design, programação e áudio. “Além disso,o investimento têm nos dado uma tranquilidade financeira em relação as contas da empresa durante os próximos anos, e agora podemos focar somente no desenvolvimento do Super Volley e de outros jogos próprios”, concluiu.

18221610_1364945326927443_5726644384592733087_n

Empresas associadas da ADJogosRS participam do GAMEPAD 2017

A Universidade Feevale recebeu no dia 19 de maio o GAMEPAD 2017 – Seminário de Games e Tecnologia, um dos principais eventos do primeiro semestre da instituição. Neste ano, a programação contou com palestras de Orlando Fonseca, da Imgnation, Everton Vieira, da IzyPlay e João Vitor, da Cupcake, todas empresas associadas da ADJogosRS.

Nesta edição o tema dos debates foi “A Oportunidade é Agora”, e teve como foco dar visibilidade a produção de alunos, promover espaços para empresas avaliarem portfólios dos alunos do curso de Jogos Digitais, além de discutir os desafios dos novos desenvolvedores. O GAMEPAD tem como ideia pensar, discutir e construir conhecimento sobre o papel dos jogos digitais e sua influência na sociedade.

“O evento marcou o momento, no primeiro semestre, para se pensar e debater experiências, que ajudam a engrandecer o conhecimento de todos sobre a importância dos jogos digitais tanto na academia como no mercado”, explica João Batista Mossmann, coordenador da Feevale.

Super Immigrants VS. The Wall (3)

2017 marca importantes lançamentos para empresas associadas

O ano de 2017 está sendo marcado por importantes lançamentos de empresas associadas da ADJogosRS. Nomes como Aquiris Game Studio, Zeeppo, Epopeia e Izy Play já lançaram, ou estão preparando jogos para entrarem no mercado ainda no mês de maio. Os jogos abraçam diferentes plataformas e oferecem diversão garantida para os mais variados estilos de gamers.

Ballistic Overkill conta com inspiração em grandes sucessos da indústria

A Aquiris Game Studio lançou no mês março o seu FPS “Ballistic Overkill”, shooter competitivo inspirado em clássicos como Quake III Arena, Unreal Tournament e jogos mais modernos como Call Of Duty 4, Overwatch e Doom 2016. O projeto da Aquiris nasceu em 2015 com o objetivo de oferecer uma experiência de ritmo bastante acelerado e muita ação desde o primeiro momento.

O game oferece ao jogador 7 classes diferentes de soldados, onde cada um apresenta um arsenal diferente e, consequentemente, uma gameplay única. A particularidade é que Ballistic Overkill não apresenta personagens de suporte, ou seja, todas as classes são focadas em ataque. O jogo apresenta diferentes modos de jogo, como Disputa de Times, Free For All, Captura de Pontos e Rei do Pedaço. Para aqueles que gostam de customização, o Ballistic Overkill ainda oferece integração com o Mercado da Steam, permitindo ao jogador a compra de armas e skins.

“O projeto realmente tem mais de 2 anos de vida, onde o primeiro protótipo começou em 2010 e inicialmente era um jogo de navegador Free To Play, até tornar-se um jogo de computador”, explica Israel Mendes, Diretor de Marketing da Aquiris. Ballistic Overkill está disponível para Windows, Mac e Linux por R$ 19,99.

Ballistic Overkill primeira gameplay: https://www.youtube.com/watch?v=imcprWZqDq4

“Super Immigrants VS The Wall” aposta em bom humor para divertir

A IzyPlay pretende lançar, ainda no mês de maio, o seu mais novo jogo para dispositivos móveis. “Super Immigrants VS The Wall” aborda, de forma irônica e bem humorada, questões sociais e políticas relacionadas a imigração nos Estados Unidos após a eleição do polêmico Donald Trump. O game, que possui uma física semelhante a popularizada por Angry Birds, será focado nos personagens e suas particularidades.

“Procuramos fazer uma pesquisa geral sobre as personalidades relevantes dos Estados Unidos, mas que não são americanos. Brincamos desde o Zorro, por exemplo, até o Neo, personagem do filme ‘Matrix’ que é interpretado pelo ator Keanu Reeves, nascido no Libano”, explicou Everton Vieira, Diretor de Criação da IzyPlay.

O projeto de “Super Immigrants VS The Wall” é uma colaboração entre a IzyPlay e outras duas empresas. O game design, assim como a monetização, ficam a cargo da empresa, enquanto a programação ficou por conta da Painful Smile e a arte foi feita pela Epopeia. “Achamos muito bacana esse projeto, onde a IzyPlay é uma empresa mais velha que as outras duas, e podemos dividir essa questão de empresa mais madura para gerar essa troca de informações”, explicou Vieira.

“Está sendo um trabalho de grande experiência para nós, por ser o nosso primeiro lançamento mobile. Aprendemos bastante com as outras empresas e isso sempre soma para o crescimento de cada um”, exaltou Ivan Sendin, da Epopeia.

Teaser do jogo: https://www.youtube.com/watch?v=q4X2C2uCCR0

Atualização e jogo inspirado em clássicos também chegam em maio

A Epopeia também está focada para apresentar novidades no mês de maio. O primeiro jogo da empresa, I’m Awesome, já foi aprovado na Steam Green Light mas, para o lançamento no dia 21, a empresa pretende acrescentar updates importantes, para tornar o jogo ainda mais atrativo para o público.

A Zeeppo pretende lançar no final do mês a versão final do jogo Guitar Band Battle. O game é inspirado em jogos consagrados como “Rockband” e “Guitar Hero”, porém 100% adaptado para celulares e tablets. Nele, o jogador pode montar sua banda, contratar músicos, comprar instrumentos e disputar batalhas com outros usuários.

“Já tivemos uma experiência com esse estilo de jogo, com nosso título Rock Life, que atingiu mais de 10 milhões de downloads em todo o mundo. Por isso decidimos criar um novo game dentro deste mesmo universo”, explica Fernando Schwedersky. Fernando também destaca que, com o know how adquirido no jogo anterior, a Zeeppo desenvolveu um jogo mais envolvente, o que eleva as expectativas da empresa para o novo lançamento.

ADJ_17_003_-_Logotipo_Power_Up-01

ADJogosRS: Primeiro curso Power Up abordará mercado de realidade virtual

A Associação de Desenvolvedores de Jogos Digitais no Rio Grande do Sul – ADJogosRS -, visando ampliar o crescimento conjunto do mercado de games no estado, evoluiu o modelo do  Power Up, curso que oferece aulas com diversos temas pertinentes para desenvolvedores de jogos para profissionais, estudantes, empresários e demais interessados. O primeiro curso acontecerá no dia 23 de abril, domingo, das 14h às 20h, no Tecnopuc (Av. Ipiranga, 6681, prédio 99, sala 204), tendo como enfoque o mercado de realidade virtual.

A primeira atividade do curso será ministrada por Orlando Fonseca Jr, diretor de criação da Imgnation, de Santa Maria. “A palestra falará sobre a história da Imgnation, mercado de games e realidade virtual, além de apresentarmos algumas dicas de desenvolvimento de jogos em VR através das melhores práticas”, explicou Orlando. Além de Fonseca outros membros do time da Imgnation participarão do evento, como o Game Designer Gustavo Foletto e o Programador José Augusto Thomas.

As inscrições são gratuitas para associados da ADjogosRS e R$ 20 para demais interessados. A inscrição deve ser feita pelo link https://goo.gl/forms/96jt9rX1GMWRZzvm1

SERVIÇO
O que: Curso ADJogosRS Power Up
Quando:  Domingo – 23 de abril
Onde: TecnoPuc (Av. Ipiranga, 6681) – Prédio 99 – Sala 204
Horário: das 14h às 20h
Inscrições: https://goo.gl/forms/96jt9rX1GMWRZzvm1 – Gratuita para associados e R$ 20 para público geral