ADjogoRS organiza edição do EPIC Game Jam em Porto Alegre

A Associação de Desenvolvedores de Jogos Digitais do Rio Grande do Sul – ADJogosRS – está organizando a edição porto-alegrense da EPIC Game Jam. O evento, que acontece de 14 a 16 de abril, no Barra Shopping Sul, e reunirá estudantes, universitários e entusiastas do desenvolvimento de jogos em uma competição. A realização é do Grupo EPIC, empresa responsável por agenciar diversos Youtubers e influenciadores.

Além de Porto Alegre, o evento acontecerá simultaneamente em outras cinco capitais brasileiras: Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Belo Horizonte e Curitiba. As equipes participantes receberão um tema e terão 48 horas para desenvolver um jogo do zero. “A diferença para outras Jams está no projeto, que será avaliado como um todo. As equipes não terão que desenvolver, somente, um bom jogo, como também pensar em toda a estrutura de negócio para esta produção”, explica Cassio Selig, vice-presidente da ADjogosRS.

Os eventos simultâneos servirão como uma seletiva, em que o vencedor de cada capital irá representar o seu estado na grande final, que acontecerá no mês de Junho, ainda sem data de locais definidos. A banca julgadora da edição de Porto Alegre ainda não foi definida, mas contará com especialistas em jogos, um Youtuber representando o Grupo EPIC, além de outros convidados. Representantes da ADJogosRS estarão no evento, explicando para o público o propósito do evento

O evento ocorrerá na Rosa dos Ventos, local central do Barra Shopping Sul. As inscrições e o regulamento podem ser encontrados no site https://www.sympla.com.br/epic-game-jam—porto-alegre__127163

ADJogosRS participa de importantes eventos nos Estados Unidos

O ano de 2017 começou movimento para a nova gestão da Associação de Desenvolvedores de Jogos Digitais – ADJogosRS – que participou de três importantes eventos internacionais. Entre os meses de Fevereiro e Março, o Vice-Presidente da Associação, Cassio Selig e o representante comercial da instituição, Carlos Idiart, participaram da Game Connection America e da Game Developers Conference, ambas em São Francisco, e da Gaming Expo do South By Southwest, em Austin.

“A GDC e a Game Connection são os dois eventos mais importantes para os desenvolvedores  do mundo. A GDC é uma grande conferência, com várias palestras relevantes para os desenvolvedores de jogos. Ou seja, lá se reúnem, todos os anos, os principais desenvolvedores para trocar experiências”, explicou Cassio.

“Já a Game Connection é o maior evento de negócios do mundo. Diferente da GDC, mas acontecendo simultaneamente, as empresas que estão presentes neste evento procuram lá novos negócios”, destacou o Vice-Presidente da ADJogosRS. A ideia principal da Associação foi levar jogos de associados e negociar com publishers e investidores. De acordo com Selig, contatos com empresas do mundo todo foram feitas e, agora, é hora de aguardar os resultados.

“Para a ADJogosRS, estar presente nesses eventos é de suma importância, pois além de poder compartilhar as novidades do mercado, também temos a possibilidade de fechar novas parcerias e negócios para associados”, destacou Cassio. Selig também destacou que, levar a Associação para estes eventos colabora para que as empresas entendam o que está sendo debatido no mercado mundial, o que colabora na tomada de decisões dos desenvolvedores. Ele também destacou a possibilidade de contato com grandes desenvolvedores que possam vir a ajudar a Associação, seja fazendo uma palestra ou vindo para Porto Alegre para conversar e trocar experiências.

Parceria entre ADJogosRS e Sebrae/RS fomenta mercado de games e capacita empresas gaúchas

Como parte das ações de capacitação e fomento às empresas de jogos digitais do Rio Grande do Sul, a Associação de Desenvolvedores de Jogos Digitais do RS – ADJogosRS oferece, em parceira com o Sebrae/RS, um ano inteiro de consultorias e mentorias para as empresas associadas, sem custo. Os empreendedores terão acesso a consultorias nas áreas de marketing, jurídica, contábil, analytics e acompanhamento pós soft-launch, interpretação dos dados e decisão das iterações; game design; gestão de projetos e pessoas e planejamento de produção e business.

“Conversamos com as empresas para saber quais áreas elas mais precisavam de orientação e apoio e então fizemos um cronograma de cruzamento disso, assim todos serão atendidos onde mais precisam. Queremos, com isso, trazer a cada dia mais organização e transparência para as ações da ADjogosRS e crescimento para o mercado de games”,explica o presidente da ADjogosRS, Ivan Sendin. A associação já é parceira do Sebrae/RS há quatro anos. O projeto terá início com um evento a ser realizado em abril, que vai reunir empresas e consultores.

Além das consultorias e mentorias, a ADjogosRS também vai oferecer uma capacitação mensal sobre o mercado de games para as empresas associadas. Esta capacitação terá vagas limitadas para estudantes, que deverão fazer inscrição prévia. As informações completas serão divulgadas em breve.

Eventos de Games 2017 – A ADjogosRS também já definiu quais eventos nacionais de games vai participar e proporcionar benefícios para as empresas associadas, que têm 50% de desconto: Mostra Brasiliense de Indie Games – BRING, em maio; BIG Festival – Brazil’s Independent Games Festival, em São Paulo/RS, em junho; Espaço WomboCombo na Fenadoce 2017, também em junho, em Pelotas/RS e na Brasil Game Show, que acontece em outubro, em São Paulo, a associação vai proporcionar às empresas associadas 75% de abatimento no custo do estande.

Quatro empresas gaúchas passam na primeira fase de edital da Ancine

Em dezembro de 2016 a Agência Nacional do Cinema – Ancine – lançou o seu primeiro edital voltado diretamente à produção de obras audiovisuais brasileiras independentes de jogos eletrônicos. Quatro empresas associadas da Associação de Desenvolvedores de Jogos do RS – ADJogosRS passaram pela primeira fase de seleção do edital: Southbox, de Passo Fundo; Imgnation, de Santa Maria, IzyPlay, de Pelotas e Epopeia, de Porto Alegre.

O edital segue os moldes mais antigos de publishers, em que a empresa responsável por cobrir os custos da produção também passa a ter direito sobre os lucros até que o investimento retorne. É o que explica o diretor de criação da IzyPlay, Everton Baumgarten Vieira, que destaca a importância que o edital traz para o mercado de games como um todo.

“Foi muito importante esse primeiro passo da Ancine. Primeiramente, por ser mais burocrático e visando muito o retorno do investimento para eles. O que não ocorre mais com os projetos de financiamento de editais para filmes. É um caminho natural, uma evolução dos editais, que ficarão mais flexíveis para focar na receita do desenvolvedor”, salienta Everton, que considera a decisão da Agência um importante marco e espera que os games trilhem o mesmo caminho da indústria cinematográfica no país.

A resposta do edital, através das quatro empresas gaúchas selecionadas, ajuda a reforçar a efetividade do trabalho da ADJogosRS no mercado do estado. “Houve uma organização do pessoal da Associação, se ajudando para que tivéssemos mais projetos das empresas associadas aprovados”, exaltou Orlando Fonseca, da Imgnation.

“A Associação foi muito importante para o sucesso nessa primeira fase. Através da ADJogosRS pudemos participar de um evento em que o pessoal da Ancine tirou diversas dúvidas em relação ao edital, bem como um especialista em editais que pode responder diversas perguntas dos associados”, explicou Daniel Merkel, co-fundador da Southbox. Ele também salientou a importância de a Associação oferecer este evento em transmissão online, facilitando para a empresa que é baseada no interior do estado.

Para Gustavo Silveira, Sócio da Epopeia, a aprovação na primeira etapa demonstra a maturidade da empresa para além de criar jogos. ”A primeira etapa dedicava-se a apresentação de documentação, e termos sido aprovados mostra que estamos bem preparados também como administradores e gestores de negócios”, avalia. Agora, a empresa passa para a fase de defesa de conceito e jogabilidade, e Gustavo acredita que o projeto da Epopeia está bem alinhado com as expectativas da Ancine, pois tem uma veia cultural forte e temática atualizada da literatura clássica brasileira.

Este foi o primeiro edital lançado pela Ancine voltado ao investimento na produção de obras audiovisuais brasileiras independentes de jogos eletrônicos. A Chamada Pública PRODAV 14/2016 vai disponibilizar R$ 10 milhões em recursos do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA), que deverão resultar na produção de 24 jogos eletrônicos para a exploração comercial em consoles, computadores ou dispositivos móveis. O edital ainda conta com mais duas fases.

Cupcake, empresa associada à ADJogosRS, fecha parceria milionária de investimento

A Cupcake Entertainment, empresa de Porto Alegre e associada à Associação de Desenvolvedores de Jogos Digitais do RS – ADJogosRS, fechou um investimento de US$ 1 milhão junto a asiática Playlab, uma das mais importantes no segmento de jogos casuais no mundo. A empresa gaúcha estava em conversação com os gigantes da indústria desde 2015, quando foram acelerados pelo GameFounders.

Na ocasião, o time da Cupcake teve mentoria com Jakob Lykkegaard Pedersen, CEO da Playlab. A Cupcake mostrou, ao longo dos últimos 18 meses, um crescimento de 45% mensais e também viu sua receita crescer três vezes desde o último setembro, reinvestindo seu próprio dinheiro em três jogos de sucesso: Letters of Gold, Words of Gold e Numbers of Gold.

“Nosso plano para 2017 é crescer ainda mais rápido e terminar o ano com US$24 milhões de receita, o que nos coloca como a maior empresa de games do Brasil. Para conseguir isso vamos precisar crescer o time, consolidar nossa presença em jogos mobile além de continuar nosso crescimento no Facebook”, exalta o Diretor de Marketing da Cupcake Entertainment, Gabriel Stürmer.

Stürmer também salienta a importância da ADjogosRS para o crescimento do mercado nacional. “Acredito que o cenário gaúcho é um dos mais desenvolvidos do país, o que é um mérito da ADJogosRS”, comenta. Para Gabriel, o crescimento da Cupcake pode influenciar o mercado e, consequentemente, outras empresas. “As maiores empresas brasileiras ganham em um ano o que as maiores do mundo ganham em um dia, e nós esperamos mudar isso e influenciar outros empreendedores da área de games”, explica.

ADJogosRS divulga dados do mercado gaúcho de games em 2016

cap_adjogosA direção da Associação de Desenvolvedores de Jogos Digitais do Rio Grande do Sul – ADJogosRS divulga dados relacionados aos trabalhos da associação e das 30 empresas associadas no último ano. Ao longo de 2016, a soma do faturamento das empresas chegou a R$ 8,5 milhões, o que representa um crescimento de 30% em relação a 2015 e um acréscimo de 183% em relação aos dados levantados em 2013, ano de fundação da associação. Em relação às oportunidades de negócios, 70% das empresas estão envolvidas em alguma negociação.

O ano de 2016 foi de intensa produção para as empresas associadas, com 81 jogos desenvolvidos, sendo 35% desses voltados para a prestação de serviços e 65% com games próprios. A ADJogosRS também contou com 265 pessoas trabalhando nas empresas associadas, sendo 25% sócios, 45% funcionários e 30% de freelancer.

Durante o último ano, 80% das empresas associadas tiveram a oportunidade de participar de eventos nacionais. Ao todo, a ADJogosRS esteve presente, na figura de seus associados, em 6 eventos diferentes: Bring (5 empresas), BIG (11 empresas), BGS (7 empresas), SBGames (10 empresas), Unite (7 empresas) e DASH Games (23 empresas). O Rio Grande do Sul conta, hoje, com cerca de 80 empresas de games.

Outro dado importante divulgado no relatório de associados da ADJogosRS é referente a formação das empresas: 13 delas são oriundas de faculdades; 27% dos profissionais das empresas são graduados em Jogos Digitais, sendo 40% deles formados na Feevale; 17% na Unisinos; 17% na Uniritter; 17% na PUCRS e 9% de outras instituições de ensino.

ADjogosRS fez primeira reunião do ano com associados

A nova direção da ADjogosRS 2017 fez no dia 27 de janeiro a primeira reunião do ano com as empresas associadas, em Porto Alegre. Na ocasião, o novo presidente da entidade, Ivan Sendin, apresentou o planejamento para os próximos dois anos da associação, mostrou dados do relatório 2016, que em breve será divulgado com informações sobre o desempenho do mercado de games no RS, bem como apresentou dados financeiros da entidade, focando assim em uma maior transparência nas ações. “Vou fazer uma gestão horizontal e transparente, por isso é fundamental que todos saibam como estamos, onde estamos e para onde estamos indo, para que possam colaborar. Quem ganha com isso é o mercado de jogos e as empresas que compõe a associação”, destacou Ivan. Entre os objetivos do planejamento estão tornar o mercado mais estável, aumentar o faturamento das empresas, participar de eventos e capacitar os empreendedores.

Após um ano de palestras que foram oferecidas às empresas associadas, em 2017 a capacitação terá formato de Workshops, realizados em parceria com o Sebrae. A grande diferença é que os workshops serão mais práticos e interativos. Serão realizados de 15 em 15 dias, aos sábados, com carga horária de 8 horas, e todas as empresas podem se inscrever, tanto para assistir um tema de interesse, como para ministrar um, sobre assunto que domine e possa compartilhar. “Esse ano queremos que as empresas digam o que querem aprender e o que podem compartilhar com as outras empresas”, explicou Ivan. A ADjogosRS também está concorrendo a dois novos editais públicos, que visam garantir verbas para ações de fomento às empresas e profissionais e para o Dash Games 2018.

A participação em eventos nacionais e internacionais com subsídio para as empresas associadas é outra ação que está no planejamento. Para 2017 são sete eventos: em maio o BRING, em Brasília (DF); e a área de games da Fenadoce, em Pelotas (RS); em junho, o BIG, em São Paulo (SP) e o Gamepolitan, em Salvador (BA); em agosto, o Gramado Summit, em Gramado (RS); em outubro, a BGS, em São Paulo (SP) e em novembro, o Web Summit, em Lisboa, Portugal. Para as empresas associadas é oferecido subsídio de 50% nos eventos nacionais e 30% nos internacionais.

ADJogosRS escolhe nova diretoria após eleição

direcao_2017No último dia 2 de dezembro, a Associação de Desenvolvedores de Jogos Digitais do Rio Grande do Sul – ADJogosRS – realizou eleição para determinar a sua nova gestão. Após quatro anos de atividades, a Associação terá como presidente Ivan Sendin, da Epopeia. Sendin, que era diretor executivo da ADjogosRS, foi candidato único e será o sucessor de Caco Idiart. O vice-presidente escolhido foi Cassio Selig, da empresa Mindtrick.

O processo eleitoral também determinou Bruno Pilgrim, da Painful Smile, como novo executivo da Associação e André Schaan, da Vox, como responsável pelo setor financeiro. A ADJogosRS terá como conselheiros em sua nova gestão Orlando Fonseca, da Imgnation, Everto Vieira, da Izyplay e Wallace Morais, da Hermit Crab.

“Essa será a diretoria mais horizontal que teremos nesses anos de Associação. Todos nós estamos motivados, engajados para aprender, planejar e executar as ações que tendem a evoluir ainda mais o mercado gaúcho”, exaltou o novo presidente, Ivan Sendin. Ele também salientou que a nova gestão já está colocando em prática o planejamento para os próximos 2 anos e que, em breve, novidades serão divulgadas.

ADJogosRS realiza Game Pitch Day em parceria com o SEBRAE no dia 3 de dezembro

A Associação de Desenvolvedores de Jogos do Rio Grande do Sul – ADJogosRS – realizará no dia 3 de dezembro o Game Pitch Day. O evento, que acontece no Bar 512 (Rua João Alfredo, 512, Cidade Baixa – Porto Alegre), tem como objetivo oferecer às empresas um espaço para que testem seus jogos e ouçam importantes feedbacks do público. O evento também será um importante espaço para contatos determinantes para o futuro de alguns projetos. O Game Pitch Day é realizado em parceria com o SEBRAE-RS.

“O evento é importante para colocarmos em teste todos os jogos que estão sendo planejados para 2017, isso ajudará a termos um excelente feedback e, com ele, evoluirmos na produção”, destacou o diretor executivo da ADjogosRS, Ivan Sendin. O Game Pitch Day também será importante para escolher as empresas que irão representar a Associação no Game Connection, que acontece em março de 2017 nos Estados Unidos.

Epopeia, Izyplay, Canvas Mobile, DragonTail, Utopia, Vox, Painful Smile, Hermit Crab, Mr. Dev Studios, e Natebits são as empresas participantes do pitch. Todas as empresas, com exceção da Mr. Dev Studios, terão expositores no evento. Além delas, a Revolver Game Studio também terá um espaço para mostrar ao público o seu trabalho. Para participar do Game Pitch Day é necessário fazer uma inscrição gratuita pelo site https://www.sympla.com.br/game-pitch-day__103691.

ADJogosRS prepara-se para transição de presidentes

No dia 2 de dezembro a Associação de Desenvolvedores de Jogos Digitais do Rio Grande do Sul – ADJogosRS – realizará uma eleição para determinar a troca de sua diretoria. Após quatro anos de atividades, Caco Idiart, atual Presidente, deixará o comando da Associação. A votação contará com um candidato único, Ivan Sendin, atual diretor-executivo da ADJogosRS. A chapa ainda é composta por Cassio Selig como Vice-Presidente e Andre Shan para o setor financeiro.

Caco Idiart ressalta que, ao longo dos quatro anos de trabalho, a Associação cresceu e atingiu metas maiores daquelas esperadas quando o trabalho começou. “Acho que a Associação cravou uma bandeira. Ela tem um espaço pra ela e é respeitada hoje. A  ADJogosRS virou referência para muitas outras associações, não só nacional como internacionalmente”, destacou.

Durante os últimos quatro anos foi notório, também, o crescimento de empresas que fazem parte da ADJogosRS. “Uma das coisas que eu mais me orgulho é que muitas empresas que eram muito pequenas conseguiram crescer e alcançaram um espaço muito bom no mercado”, explica Carlos ao salientar este como o diferencial do trabalho que têm sido feito no cenário gaúcho de games.

“Esse é o nosso diferencial, trabalhamos com uma ideia de conjunto entre as empresas e exercitamos um trabalho de troca”, orgulha-se Idiart. Outro aspecto importante que o atual Presidente da ADJogosRS destaca é o fato de a Associação ter vencido diversos editais públicos, o que demonstra ainda mais a competência dos envolvidos e colabora para estreitar parcerias e tornar o mercado de games do Rio Grande do Sul um dos maiores do Brasil.